Apostolado Filhos de Santo Atanásio, Discípulos de São Pio X

INSTAURARE OMNIA IN CHRISTO

Cardeal Sarah fala aos jovens católicos: Homilia de 21 de maio de 2018, Segunda-Feira de Pentecostes.

“Quero agora me dirigir a vocês, os mais jovens, que estão aqui em tão grande número!

No entanto, eu peço que vocês escutem um “velho” que tem mais autoridade do que eu: o evangelista São João. Para além do exemplo da sua vida, São João deixou também uma mensagem escrita para os mais jovens. Na sua primeira carta, nós encontramos estas palavras emocionantes de um velho para os jovens das igrejas que ele tinha fundado; escutem a sua voz, cheia de vigor, de sabedoria e de calor:

“Jovens, eu vos escrevi porque sois fortes e a palavra de Deus permanece em vós, e vencestes o maligno. Não ameis o mundo, nem as coisas do mundo” (1 Jo 2, 14-15).

O mundo que nós não devemos amar, comentava o padre Raniero Cantalamessa na sua homilia da Sexta-Feira Santa de 2018, é aquele ao qual não devemos nos conformar; não é, como sabemos, o mundo criado e amado por Deus, não são as pessoas do mundo a quem devemos sempre nos voltar, especialmente aos pobres e aos últimos dos pobres, para amá-los e servi-los humildemente… Não! O mundo que não devemos amar é outro: o mundo tal como ele se tornou sob o domínio de Satanás e do pecado. O mundo das ideologias que negam a natureza humana e destroem as famílias… As estruturas da ONU, que impõem uma nova ética global, têm um papel decisivo e se tornaram, hoje, um poder avassalador, que chega às massas através das possibilidades ilimitadas da tecnologia. Em muitos países ocidentais, hoje é crime rejeitar submeter-se a essas ideologias horríveis. É isto o que chamamos de adaptação ao espírito do tempo, o conformismo. Um grande e crente poeta britânico do século passado, Thomas Stearns Eliot, escreveu três versos que dizem muito mais do que livros inteiros:

“Num mundo de fugitivos, quem vai na direção oposta será visto como desertor”.

Queridos jovens cristãos, se é permitido que um “velho”, como foi São João, se dirija diretamente a vocês, também eu os exorto e lhes digo: vocês venceram o maligno. Combatam qualquer lei contrária à natureza que hoje querem lhes impor, oponham-se a toda lei contrária à vida, contrária à família. Sejam aqueles que vão na direção oposta! Atrevam-se a ir contra a corrente! Para nós, cristãos, a direção oposta não é um lugar: é uma Pessoa, é Jesus Cristo, nosso Amigo e nosso Redentor. Uma tarefa é confiada muito particularmente a vocês: salvar o amor humano da trágica deriva em que ele caiu; o “amor” que não é mais a doação de si mesmo, mas a posse do outro, quase sempre violenta e tirânica. Na cruz, Deus Se revelou como “Ágape”, isto é, como Amor que Se entrega a Si mesmo até a morte. Amar verdadeiramente é morrer pelo outro, como aquele jovem policial francês, o coronel Arnaud Beltrame! [ndr: saiba mais sobre ele aqui]

Queridos jovens, vocês experimentam, sem dúvida, na sua alma, a luta entre as trevas e a Luz. Vocês são, às vezes, seduzidos pelos prazeres fáceis do mundo. De todo o meu coração de padre, eu lhes digo: não fiquem divididos! Jesus lhes dará tudo! Seguindo-o para serem santos, vocês não perdem nada! Vocês ganham a única alegria que não decepciona jamais!”

Permaneça Católico: reconheça e resista.

Compartilhem:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Apostolado Filhos de Santo Atanásio, Discípulos de São Pio X

INSTAURARE OMNIA IN CHRISTO